Projetos  
 

Pesquisa

 

1. A ergonomia e o desenho industrial em prol do trabalho hospitalar no município de São Luis: o caso de um Hospital Universitário.

Descrição
             Intervenção ergonômica em um Hospital Universitário em São Luis (MA), utilizando-se o método Análise Macroergonômica do Trabalho (AMT) (Guimarães, 1998), nos seguintes setores: SAME (Serviço de Arquivamento Médico), lavanderia (áreas limpa e suja), a cozinha dietética (refeitório) e a enfermaria da clínica cirúrgica. Realizaram-se as fases: Apreciação, Diagnose e Projetação ergonômicas, sendo que: na fase da apreciação (levantamento/mapeamento dos problemas que determinam constrangimentos ergonômicos para o trabalhador) foram identificados os Itens de Demanda Ergonômica (IDEs) por meio de entrevistas e questionários com os profissionais e pelo levantamento
da situação por meio de observações assistemáticas (registros em caderneta de campo e em vídeo das atividades das tarefas dos trabalhadores do hospital) e, na fase de diagnose, analisou-se a carga de trabalho relacionada às atividades das tarefas do trabalhadores , considerando-se a carga física (por meio das técnicas análise das posturas assumidas, mensuração da carga física por meio da avaliação postural (REBA - Rapid Entire Body Assessment, por Higgnett & McAtmaney, 2000  e pela avaliação subjetiva de desconforto/dor proposta por Corlett, 1995) e a carga mental (por meio da técnica NASA/TLX  Task Load Index). Na fase de projetação foram apresentadas propostas de solução/amenização dos constrangimentos ergonômicos levantados e comprovados nas fases anteriores.

Projeto aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa do Hospital Universitário (UFMA).

Projeto aprovado pela UFMA - Resolução No 432 - CONSEPE.

Alunos envolvidos
             Graduação em Desenho Industrial (UFMA)

Integrantes
Raimundo Lopes Diniz (Responsável); Aline Maria Pinheiro Vale; Érico de Oliveira Junqueira Ayres; Francismar Rodrigues de Sousa; Gabriela Souza Ribeiro; Inez Maria Leite da Silva; João Rocha Rapôso; Kerly Silva de Araújo; Pedro Solano Coelho e Oliveira; Samuel Benison da Costa Campos.

Situação

Finalizado em 2007

Resultados

2. Intervenção Macroergonômica no depósito de urnas eletrônicas eleitorais do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) em São Luis (MA).

Descrição
            
Nesta pesquisa, aplicou-se a Análise Macroergonômica do Trabalho (AMT) (Guimarães, 1999) no depósito de urnas eletrônicas eleitorais em São Luís (MA). O método proposto para a intervenção abrangeu as seguintes fases: 0) Lançamento (descrição de todas as fases da intervenção e as respectivas ferramentas de coleta e tratamento de dados; 1) apreciação (levantamento/mapeamento dos problemas que determinam constrangimentos ergonômicos para o trabalhador), onde serão identificados os Itens de Demanda Ergonômica (IDEs) e a 2) diagnose, onde analisou-se a carga de trabalho relacionada às atividades das tarefas do trabalhadores, considerando a carga física e a carga mental, finalizando-se com propostas preliminares de melhoria. Os resultados apontaram....

Alunos envolvidos
             Graduação em Desenho Industrial (UFMA)

Integrantes
            
Raimundo Lopes Diniz, Joel Manoel Alves Filho, Antônio Luís Coelho Ferreira, Aline Maria Pinheiro Vale, Andrey Ribeiro de Matos, Kerly Silva de Araújo, Davi da Silva Pinto, Gabriela Souza Ribeiro, Luciano Soares da Silva, Pedro Solano Coelho e Oliveira, Samuel Benison da Costa Campos, Roberta Loiola Barboza, Érico de Oliveira Junqueira Ayres, Florentino Assenço Alves Filh, Inez Maria da Silva Leite, Lúcia Moreira do Nascimento, Luciana Caracas.

Situação

Finalizado em 2006

 

3. Acessibilidade integral para pessoas com deficiência: uma ação ergonômica no campus universitário do bacanga (UFMA)

Descrição

Projeto de pesquisa resultante de uma parceria entre o Núcleo de Ergonomia em Processos e Produtos (NEPP), a Assessoria de Qualidade de Vida (AQV) e a Universidade da Terceira Idade (UNITI). O intuito foi aplicar a acessibilidade integral conforme as necessidades especiais dos deficientes em termos espaciais. Pretende-se realizar uma Intervenção Ergonômica no Campus Universitário do Bacanga (Universidade Federal do Maranhão) e no palácio Cristo Rei, em todos os setores e dependências da universidade. Inicialmente, foi realizado um censo (levantamento das condições de acessibilidade de servidores - docentes e técnico-administrativos - e estudantes) para traçar um panorama da acessibilidade na UFMA. Esta etapa contou com a participação de alunos (iniciação científica) e de técnicos da UFMA (AQV), os quais deverão visitar os setores e sub-setores da referida universidade munidos de um questionário para coletar os dados. Em seguida realizou-se um levantamento (mapeamento) de problemas relacionados à acessibilidade integral (em todos os âmbitos: espaço arquitetural, mobiliário, equipamentos, dispositivos, instrumentos e ferramentas, maquinário, sinalização/informação, fatores físico e químico ambientais e organizacionais/gerenciais), fase esta denominada de Apreciação Ergonômica. Nesta Etapa, foram realizadas entrevistas com a população detectada na etapa anterior e aplicados questionários. Serão realizadas, também, observações assistemáticas (por meio de registro fotográfico) e o levantamento técnico ambiental-arquitetural (por meio de trenas digitais e manuais e registro em vídeo analisado em laboratório). Todos os resultados foram apreciados de acordo com a Norma ABNT NBR9050. Num segundo momento, mensuraram-se os níveis de prejuízo dos possíveis problemas encontrados (de acordo com uma hierarquização de problemas) às pessoas envolvidas com esse entorno, fase esta denominada de Diagnose Ergonômica e gerar propostas projetuais.

Alunos envolvidos

Graduação ( 10) / Especialização ( 1) / Mestrado acadêmico ( 0) / Mestrado profissionalizante ( 0) / Doutorado ( 0)

Situação

Concluído em 2008

Integrantes

Samuel Benison da Costa Campos - Integrante / João Rocha Rapôso - Integrante / Kerly Silva de Araújo - Integrante / Pedro Solano Coelho de Oliveira - Integrante/ Roberta Loiola Barboza - Integrante / Andrey Ribeiro de Matos - Integrante / Ivan Guimarães filho - Integrante / Irene Andrade Rodrigues - Integrante / Leanjoelson Souza Andrade - Integrante / Maria Nilce de Sousa Ribeiro - Integrante / Roberto Forhieri Vernalha Zimbres - Integrante / João Manuel Silva dos Santos - Integrante / José Evandro Guimarães - Integrante / Raimundo Lopes Diniz - Coordenador.

 

4. A produção de mariscos na ilha de São Luis (MA): avaliação das condições de trabalho e do processo de comercialização

Descrição

Nesta pesquisa, pretende-se realizar uma Análise Macroergonômica do Trabalho (AMT) nos vários setores e dependências de hospitais no município de São Luís, priorizando os Hospitais Universitários, como por exemplo: o setor administrativo, a lavanderia, a cozinha (refeitório), a enfermaria e o centro cirúrgico. Será utilizado o método AMT proposto por Guimarães (1998), onde serão abrangidas as fases de Apreciação, Diagnose e Projetação ergonômicas, sendo que: na fase da apreciação (levantamento/mapeamento dos problemas que determinam constrangimentos ergonômicos para o trabalhador) serão identificados os Itens de Demanda Ergonômica (IDEs) por meio de entrevistas e questionários com os profissionais e pelo levantamento da situação por meio de observações assistemáticas (registros em caderneta de campo e em vídeo das atividades das tarefas dos trabalhadores do hospital) e, na fase de diagnose, será analisada a questão da carga de trabalho relacionada às atividades das tarefas do trabalhadores nos hospitais do município de São Luís, considerando a carga física (por meio das técnicas análise das posturas assumidas, mensuração da carga física por meio da avaliação da Freqüência Cardíaca (FC), REBA Rapid Entire Body Assessment, por Higgnett & McAtmaney, 2000 e pela avaliação subjetiva de desconforto/dor proposta por Corlett, 1995) e a carga mental (por meio da técnica NASA/TLX Task Load Index). Na fase de projetação serão apresentadas propostas de solução/amenização dos constrangimentos ergonômicos levantados e comprovados nas fases anteriores.

Alunos envolvidos

Graduação (2).

Situação

Concluído em 2009.

Integrantes

João Rocha Rapôso - Integrante / Lais Assine - Integrante /Thiago Guará - Integrante / Raimundo Lopes Diniz - Coordenador.

 

5. Intervenção ergonômica em indústrias de água mineral na região metropolitana de São Luis-MA

Descrição

A presente pesquisa visa realizar uma intervenção ergonômica no processo produtivo das indústrias de água mineral em São Luis (MA), no que tange os aspectos de interação homem, máquina e meio ambiente para gerar subsídios na melhoria das condições de trabalho (saúde, segurança, conforto e qualidade de vida) e a eficiência dos sistemas de produção, além de apoiar o desenvolvimento da pesquisa, ligadas a melhoria da tecnologia regional. Pretende-se caracterizar a indústria de produção de água mineral quanto ao porte, materiais utilizados, tipo de mercado, estratégias e requisitos ambientais; analisar o fluxo da produção em cada fase, identificando as tomadas de decisões nas atividades realizadas e/ou não realizadas, e práticas ambientais aplicadas; realizar um levantamento sobre as cargas de trabalho (física, mental e psíquica/organizacional) envolvidas e os custos humanos através da análise das condições de trabalho, das atividades realizadas e suas consequências (parecer ergonômico); efetuar a diagnose ergonômica para o aprofundamento de problemas mais evidentes e; propor soluções preliminares. Pretende-se utilizar o método Intervenção Ergonomizadora (Moraes & Mont Alvão, 1998).

Alunos envolvidos

Graduação ( 4) / Mestrado acadêmico ( 1)

Situação

Em andamento

Integrantes

André Leonardo Demaison - Integrante / Raimundo Lopes Diniz - Coordenador.

 

Prestação de serviços

1. Implementação de ações do programa de ergonomia na VALE, site São Luis (MA) e Estrada de Ferro Carajás (EFC).